Exames

GAMA GT
Nome: GAMA GT

Sinonímia: GGT, Gama glutamil transferase, Gama glutamil transpeptidase

Norma de Coleta: Jejum de 4 horas. Informar uso de droga anti-epilépticas e alcoolismo crônico, pois produzem aumento da atividade de gama GT. Informar história prévia de alcoolismo ou doenças hepáticas.

Valor de Referência:

Masculino:  7 a 45 U/L

Feminino:  5 a 27 U/L

Método: Szasz modificado

Instrução de Coleta: Coletar 1,0 mL de soro.

Refrigerar a amostra.

Interpretação Clínica: O teste é útil para evidenciar a disfunção hepática (hepatopatias agudas e crônicas), estando a atividade enzimática elevada nos quadros de colestase intra ou extra hepática. Os níveis também aumentam na doença hepática alcoólica aguda ou crônica e nas neoplasias primárias ou metastáticas.
GASTRINA
Nome: GASTRINA

Sinonímia:

Norma de Coleta: Jejum de10 horas.  Informar medicamentos em uso

Valor de Referência: 13 a 115 pg/mL

Método: Quimioluminescência

Instrução de Coleta: Coletar 1,0 mL de soro. Congelar a amostra. Pode ser colhida no teste de Glucagon: injeta-se glucagon 1mg EV e colhe-se sangue nos tempos 0, 5, 10, 15, 30 e 60 minutos.

Interpretação Clínica: A gastrina é hormônio produzido pelas células G, distribuídas em todo o tubo digestivo. É importante em disfunções do aparelho digestivo, como úlceras gástricas e duodenais e nas síndromes diarréicas crônicas, e no diagnóstico da síndrome de Zöllinger-Ellison (tumor secretor de gastrina) que causa ulceração péptica grave do trato intestinal.
GH, HORMÔNIO DE CRESCIMENTO
Nome: GH, HORMÔNIO DE CRESCIMENTO

Sinonímia: Hormônio Somatotrófico, Somatotrofina

Norma de Coleta: Jejum de 8 horas.

Valor de Referência: 

Masculino: Até 5 ng/mL

Feminino : Até 10 ng/mL

Método: Quimioluminescência

Instrução de Coleta: Coletar 1,0 mL de soro. Congelar a amostra.

Interpretação Clínica: O hormônio de crescimento humano (HGH) é um hormônio polipeptídico produzido pelas células somatotróficas da hipófise. O HGH é liberado pela hipófise em resposta a um complexo controle hipotalâmico influenciado por vários estímulos, como hipoglicemia induzida por insulina. O HGH estimula o fígado a produzir somatomedinas (IGF). Importante na investigação dos pacientes com déficit estatural, atraso de crescimento em relação à idade cronológica e nos estados de hipersomatotrofismo de causa tumoral, tais como o gigantismo (crescimento intenso em jovens) ou acromeglia (em adultos).
GLICEMIA
Nome: GLICEMIA

Sinonímia: Glicose no sangue

Norma de Coleta: 

Adultos : jejum de 8 a 10 horas

Crianças entre 1 e 5 anos : jejum de 6 horas

Crianças abaixo de 1 ano : jejum de 3 horas

Informar história prévia de diabetes e medicação em uso (insulina, hipoglicemiantes orais). Outras coletas a critério médico.

Valor de Referência:

Jejum : 60 - 99

Pós-prandial : Até 140

Pós alimentação : Até 160

Método: Colorimétrico Enzimático 

Instrução de Coleta: Coletar 1,0 mL de soro. Congelar a amostra.

Interpretação Clínica: A homeostase glicêmica é controlada por diversos hormônios, especialmente a insulina. Alterações hormonais e outros fatores levam a variação nesta homeostase, desencadeando hiper ou hipoglicemia. Portanto, é útil no diagnóstico e monitoração terapêutica de doenças metabólicas, como o diabetes melito tipo II.
GLICOSÚRIA
Nome: GLICOSÚRIA

Sinonímia: Glicose de 24 horas(quantitativa), glicosúria de  24 horas,  ou fracionada

Norma de Coleta: Coleta de urina de 24 horas: Retirar frascos no laboratório ou usar garrafas de água mineral. O recipiente deve ser limpo e seco. O paciente, ao acordar pela manhã, deve esvaziar totalmente a bexiga e desprezar essa urina. Anotar o horário exato. A partir daí, guardar todas as urinas rigorosamente e não apenas uma parte (inclusive à noite) até a manhã seguinte no mesmo horário em que jogou fora a urina do dia anterior (esta urina tem que ser colhida e guardada). É fundamental entregar ao laboratório toda a urina coletada, para evitar erros de dosagem.

IMPORTANTE: Não utilizar cremes/óvulos vaginais nas 24 horas que antecedem a coleta. Evitar coletas em períodos menstruais. Manter a urina refrigerada.

Coleta de urina de 12 horas: Desprezar a urina e marcar o horário. A partir daí, colher todas as urinas sem perda, até completar o período de 12 horas. Marcar rigorosamente o horário.

Coleta de urina de 4 períodos:

1. Preparar quatro recipientes plásticos limpos e secos, identificando-os

2. Esvaziar completamente a bexiga às 6 h da manhã, desprezando este material.

3. A partir daí, recolher integralmente TODA urina emitida, sem nenhuma perda, guardando-a nos frascos preparados, obedecendo aos horários designados pelo médico.

Valor de Referência: Até 250 mg/24hs

Método: Enzimático colorimétrico

Instrução de Coleta: Orientar o paciente quanto ao modo de coleta para que não haja erros de dosagens.

Interpretação Clínica: Glicemias superiores a 180 mg/dL geralmente provocam glicosúria, porém em diabéticos, o limiar renal tende a aumentar, embora varie de 50 a 400 mg/L. A coleta fracionada em 4 períodos é útil para o tratamento.